­­Horas em Durban

­­Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

­­Etiquetas

­­ todas as tags

Conferência de Cancun - 2010
Conferência de Copenhaga - 2009
Conferência de Poznan - 2008
Conferência de Bali - 2007
Conferência de Nairobi - 2006
logo da Quercus
Sábado, 10 de Dezembro de 2011

Fim? TBA (uma nota mais pessoal...)

Os ministros e os negociadores de alto nível trabalham em salas fechadas para tentar chegar a um acordo; até os restantes delegados se passeiam pelo centro de conferências aguardando o desfecho. Não muito longe da área de computadores onde me encontro agora, dentro do centro de conferencias, ouve-se o som de alguém que toca um jazz relaxante no piano.

 

 

Os participantes mais jovens, cujas organizações não governamentais são autorizadas a participar na conferência como observadores (o caso dos escuteiros, por exemplo), comem o que compraram num supermercado mais próximo. Uma associção de cristãos protestantes reune-se sentada no chão para fazer o balanço da conferência. Muito delegados permanecem agarrados ao computador, enquanto outros dormem.

 

 

Lá fora ainda se vêem os camiões a serem carregados com os materais de exposicões que aqui serviam de introdução a quem chegava ao local da conferência.

 

 

No parque adjacente, centenas de bicicletas ja não estão a ser usadas. Experimentei percorrer parte de Durban e até ir a uma reuniao perto e fiquei convencido como sendo o transporte apropriado para uma pequena volta pela cidade. Mais curioso, é que o capacete era «Made in Portugal» .

 

 

Hoje, apesar de nublado, está calor e na rua de manhã muita gente se preparava para ir para a praia, porque a cidade é efectivamente como que uma estância balnear nesta altura daquilo que, apesar de ainda não ser oficial, já por aqui se classifica como Verão.

 

 

O almoço foi ao ar livre na companhia de uma delegada das Ilhas Cook (confesso que sabia que eram no Pacífico mas tive que ir ao google maps perceber exactemente onde estão). São 16h na África do Sul, 14h em Portugal. O recorde de extensão para além de sexta-feira de uma conferência desta natureza foram as 18h (em Bali, em 2007). Desta vez, só a sequência de plenários aparece nos monitores. Tudo o resto, incluindo os resultados, são TBA – to be announced…

 

Francisco Ferreira, Quercus em Durban

Etiquetas: ,
por Quercus às 14:03
link do post | comentar | favorito
| | partilhar

­­Subscrever

[conta Twitter reutilizada para as COP seguintes]
COP17

­­Links

­­Pesquisar

 

­­Arquivos

­­ Dezembro 2011

­­ Novembro 2011

­­ Outubro 2011

­­ Setembro 2011

blogs SAPO